VOCÊ SABE, EU SEI, NÓS SABEMOS O QUE O BRASIL PRECISA PARA SER FELIZ DE NOVO

Há várias definições de felicidade, é bem verdade. A psicologia, a filosofia e outras ciências criaram suas teorias, mas esse sentimento universal anda em desuso no Brasil nos últimos anos. ...

 

 Acho que nem precisamos reforçar os danos do Golpe e o desmonte do governo ilegítimo de Temer e do PSDB do Alckmin, porque este texto é para nos lembrar de que éramos felizes (e sabíamos disso), mas também de que podemos voltar a ser.

Pare um minutinho o que você está fazendo aí e responda duas perguntinhas. Vai ser rápido, pode confiar:

VOCÊ TÁ FELIZ? VOCÊ SE LEMBRA DA ÚLTIMA VEZ EM QUE NÃO TAVA PREOCUPADA/O COM ALGUMA COISA?

Se as respostas forem não, dê uma respirada e vamos trocar uma ideia rapidinho aqui.

Sabemos que você está pensando em colocar comida no prato, no preço da cesta básica e no botijão de gás que tá pela hora da morte. Esses gastos, entre tantos outros, insistem em fazer nosso dinheiro sumir do banco e da carteira em poucos dias. Há muito mês para o seu, o meu, o nosso salário e há ainda quem acredite que essa é a solução para o Brasil. Sei que estamos tentando não falar das obscuras reformas que tentam nos enfiar goela abaixo, mas os golpistas estão diretamente ligados à tristeza nacional que enfrentamos.

 

Voltemos à felicidade.

Para empolar um pouco estes parágrafos, vou recorrer a William Shakespeare. Certa feita (já faz muito tempo), ele disse que “as ideias das pessoas são pedaços da sua felicidade”. Bonito, né?

Agora, faça um breve exercício comigo. Voltemos até o dia 6 de abril de 2018, o dia em que o presidente Lula fez um de seus mais simbólicos discursos em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Paulo. Ele disse, em alto e bom som:

“Não pararei, porque não sou mais um ser humano. Eu sou uma ideia, uma ideia misturada com a ideia de vocês. A morte de um combatente não para a revolução.”

Agora imagine uma ideia — especificamente uma ideia que inclui as ideias do povo brasileiro — voltando ao Planalto. Não será só o Lula subindo esta rampa e protagonizando esta cena no dia 1º de janeiro de 2019.

Seremos eu, você, sua tia Fátima, seu tio José, seu pai, sua mãe, seus primos. Seremos todos nós. Você sabe que o Brasil pode ser feliz de novo e sabe também que o caminho para a felicidade passa pelas urnas no dia 7 de outubro.

A gente não consegue se esquecer de quando ganhamos bolsa na universidade em que estuda o filho do patrão, quando conseguimos comprar o tênis de marca, quando tivemos acesso ao médico pela primeira vez, quando nossa casa ganhou luz, quando vimos as cisternas serem instaladas nas nossas cidades, quando tinha carne no nosso prato e quando um dentista cuidou da saúde de nossa boca e pudemos voltar a sorrir. Temos dentes na boca, sim. E vamos mostrá-los.

Alguém me disse uma vez que o conhecimento é uma coisa mágica. E é mesmo. Você nunca mais o perde. A lembrança da felicidade também tem sua magia. E nós éramos felizes e sabíamos.

Coordenação

Construindo Um Novo Brasil.

Website: construindoumnovobrasil.com.br/

É uma corrente interna do PT, da qual fazem parte alguns dos principais ministros do nosso governo e o próprio Luiz Inácio Lula da Silva, entre outros quadros importantes. A corrente nasceu em 1983, a partir do Manifesto dos 113, que buscou organizar o grande número de militantes...